ouvido humano

Muitas vezes se ouve dizer que as mulheres falam demais… Mas não tem problema. Porque o ouvido masculino (seletivo) escuta somente o que interessa. Preste atenção: O que a mulher diz: - Esse lugar está uma bagunça, amor! Você e eu precisamos limpar isto. Suas coisas estão jogadas no chão e você vai ficar sem roupas pra usar se não lavá-las agora mesmo. O que o homem escuta: blah, blah, blah, blah, AMOR, blah, blah, blah, blah, VOCÊ E EU, blah, blah, blah, blah, NO CHÃO, blah, blah, blah, blah, SEM ROUPAS, blah, blah, blah, blah, AGORA MESMO. (Carlos Drummond de Andrade)

sábado, 25 de agosto de 2012

PASSADO & PRESENTE!

          Certas profissões e atividades com o tempo desaparecem, em seu lugar surgem outras, ate com a mesma finalidade, mas com nomes diferentes, hoje dificilmente nos vemos por ai; alfaiate, amolador de facas, vendedor de enciclopédia, mulher barbada do circo, a lista é imensa. Nesse tempo corrido e louco, o mercado oferece varias oportunidades, a questão é saber segura-las. Com toda essa onda de "politicamente correto", nossa hipocrisia flui naturalmente, com doses de criatividade e humor, a diversificação é tanta que a mesma atividade profissional se enquadra em vários contextos, vejamos: ANTES; olheiro: pessoa que avaliava futuros atletas e modelos, depois as encaminhavam para clubes e agencias. AGORA; individuo que avisa aos comparsas, por meio de celular ou fogos de artificio da presença da policia. (AN); catador de lixo: uma classe desprezada pela sociedade. (AG); uma categoria essencial no nosso planeta, o ex catador é reconhecido como; gerente operacional do controle do meio ambiente, belo cargo, concordam? (AN); prostituta: mulher que vendia prazeres em troca de dinheiro. (AG) essa atividade continua a mesma desde a criação do mundo, mas hoje são conhecidas como; garotas de programa, vadias, acompanhantes. (AN); estudante: queimava a pestana de tanto se debruçar em livros. (AG); cada vez mais usa o copia e cola. Não poderia deixar de lado os políticos, (AN); eram eleitos para melhorar as condições de vida do povo. (AG); são simplesmente conhecidos como; guardiões do dinheiro alheio. Puxando a sardinha pro nosso lado; (AN); blogueiro: não existia, o que pensava não era compartilhado com os outros, alguns tinham diários, mas era guardado a sete chaves e ninguém tinha permissão para ver. (AG); escreve sobre tudo e todos, as vezes extrapolam, exageram, mas não a como negar que é uma força atuante na nossa sociedade, se antes era a pena(caneta) que feria, hoje um toque faz muito estrago, como também nos proporciona muito prazer de viver. Claro que faltaram muitas atividades; mordomo, flanelinha, porteiro, baba, governanta, estagiário, a lista é extensa. BOM SÁBADO!!!!

Um comentário:

Suely Queiroz disse...

Ainda bem que ser mãe , não pode ser mudada e nem reinventada. Vc tb deve incluir as aulas que em muitas instituições estão sendo ministrada via Skype, proporcionando aos alunos o conforto de ficar em casa ao invez de estarem interagindo com os colegas em salas de aulas.